Arquivos do futebol

O Futebol do passado

Uma Grande goleada do Flamengo

Com uma tarde de pleno acerto dos seus favoritos, um festival ensolarado de futebol tipicamente rubro negro, corrido, veloz, ardente, vibrante, entusiasmante, redundando numa sensacional e merecida vitória por 6×2 sobre o líder Botafogo. A torcida do Flamengo encontrou, finalmente, ontem, a compensação dos tantos dissabores sofridos neste campeonato de 1959.

Era evidente que o quadro da Gávea estava crescendo nestas ultimas semanas e que somente uma sorte madrasta o privara de resultados mais brilhantes. E todos sentiam que no dia em que o azar deixasse de perseguir o time rubro negro, o adversário iria passar mal. Foi o que aconteceu, ontem, com o Botafogo que, jogando errado taticamente, sofreu uma goleada um tanto humilhante.

O Flamengo ganhou magnificamente, goleando com uma facilidade aparente o esquadrão botafoguense desarvorado. A retaguarda da Gávea teve uma atuação destacada frente a um quintento rico em artilheiros de qualidade. Mauro conseguiu defesas notáveis. Santana exibiu dinamismo e segurança. Jadir demonstrou firmeza e senso de antecipação nas jogadas. Jouber travou um duelo terrível com o vivo e brilhante Amarildo e saiu-se muito bem da difícil tarefa. Mas Jordan foi quase sempre vencido pelos dribles de Garrincha. Carlinhos vem se firmando a cada jogo. E toda a linha atacante está de parabéns pelo jogo coletivo exibido na melhor tradição rubro negra. Bábá mais uma vez brilhou pela movimentação constante e inteligente. Henrique reencontrou suas qualidades de artilheiro oportunista. E Dida voltou a ser o melhor Dida, com inspirações extraordinárias e uma atividade endiabrada. Moacir fez um trabalho de perfeita coordenação com os companheiros. Luis Carlos completou perfeitamente a linha, com o dinamismo habitual.

O Botafogo atuou dividido em duas partes bem distintas. O quintento bem na frente, numa metade do campo, e a linha de quatro zagueiros e o arqueiro, no outro, com o único Pampolini para fazer a ligação. O centro médio desdobrou-se, aliás, jogou uma grande partida. Mas todos os contra ataques do Flamengo lançaram a confusão na retaguarda alvi negra, que conseguiu agüentar mais ou menos nos primeiros 45 minutos, mas acabou sucumbindo, esmagada pela tarefa impossível de conter o ataque rubro negro.

FLAMENGO (RJ) 6 x 2 BOTAFOGO (RJ)
Data: 26/10/1959
Gols: Henrique (2), Bábá (2), Luis Carlos e Dida; Quarentinha e Paulinho
Árbitro: Amilcar Ferreira
FLAMENGO: Mauro, Jouber e Santana, Jadir, Carlinhos e Jordan, Luis Carlos, Moacir, Henrique, Dida e Bábá.
BOTAFOGO: Ernani, Cácá e Floriano, Ronald, Pampolini e Nilton Santos, Garrincha, Tião Macalé, Paulinho, Quarentinha e Amarildo.
Obs: Foram expulsos Jouber do Flamengo e Quarentinha do Botafogo.

Fonte: http://www.museudosesportes.com.br

março 29, 2011 - Posted by | Arquivos do Futebol, Botafogo F.R., C.R. Flamengo, Goleadas

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: